Página Inicial     
Fale Conosco     
Quem Somos     

Logística | Fortalece a estratégia da empresa em um mercado altamente competitivo.

A logística era vista no passado como processo de abastecimento de materiais. Passou a ter maior abrangência nos anos 80, quando as empresas perceberam sua importância na administração integrada de processos. Hoje, ela ganhou status de aliada no fortalecimento da estratégia da empresa em um mercado altamente competitivo.

Por isso, tornou-se parte do gerenciamento da cadeia de abastecimento que planeja, implementa e controla o fluxo e armazenamento de materiais e produtos acabados, bem como as informações a eles relativas, desde o ponto de origem até o ponto de consumo, com o propósito de atender às exigências dos clientes.

Sua presença se dá num contexto desafiador, caracterizado pelas novas tecnologias, e exige ações de custos reduzidos, realizadas automaticamente, sem depender tanto da intervenção de pessoas.

Uma das principais ferramentas da logística é o sistema de automação e gerenciamento de depósitos, armazéns e linhas de produção (Warehouse Management System - WMS). O WMS é uma parte importante da cadeia de suprimentos (supply chain) e fornece a rotação dirigida de estoques, diretivas inteligentes de "picking" (separação e preparação de pedidos), consolidação automática e "cross-docking" (distribuição sem armazenagem) para maximizar o uso do valioso espaço do armazém.

Os sistemas WMS utilizam tecnologias de Auto ID Data Capture, como código de barras, dispositivos móveis, redes locais sem fio e possivelmente RFID (identificação por rádio frequência) para monitorar eficientemente o fluxo de produtos.

Uma vez que os dados tenham sido coletados, é feita a sincronização com a base de dados centralizada, tanto por processamento em lote, como por trans-missão em tempo real.

O banco de dados pode, então, ser usado para fornecer relatórios úteis sobre o status das mercadorias no armazém.

Vantagens da logística

1. Com a logística a visão de todos os processos se torna integrada e sistêmica, evitando descompassos e conflitos internos.

2. O movimento rápido de materiais e informações permite a otimização do investimento em estoques.

3. A cadeia de suprimentos entra como parte importante do processo.

4. Fornecedores, colaboradores e clientes se tornam elos de uma corrente, pois de fato estão intimamente interligados.

5. Exige planejamento estratégico, tático e operacional, com constante avaliação de desempenho, por meio de indicadores.

6. Os sistemas de informação (ERP, WMS, TMS ...) fornecem suporte para as decisões que precisam ser cada vez mais velozes e em um ambiente de incertezas e competição muito grande.

7. Aumenta a colaboração entre fornecedor e consumidor, que compartilham informações relevantes para o nível de serviço desejado.

Rua Joel Jorge de Melo, 608
Fone (11) 5584-8489 | CEP 04128-081 | São Paulo - SP | Desenvolvido por: Tbr Web