Página Inicial     
Fale Conosco     
Quem Somos     

Estabeleça objetivos e metas para a sua empresa

Estabeleça objetivos e metas para a sua empresa

O planejamento rumo ao futuro deve ser realista

Um atleta competitivo estabelece os objetivos e as metas que deseja atingir. Esta decisão guiará sua trajetória de treinamento e desenvolvimento, influenciando o seu próprio estilo de vida. O mesmo acontece com uma empresa competitiva: o estabelecimento de objetivos e metas deve ser parte importante do seu planejamento rumo ao futuro, e até mesmo do seu dia-a-dia.

Esse grau de importância é maior quando se trata de empresa com número crescente de colaboradores: enquanto para o atleta a conscientização é individual, para a empresa o fator preponderante no estabelecimento dos objetivos é a sintonia entre as pessoas, dos dirigentes aos colaboradores.

Existem outras boas vantagens em se estabelecer objetivos. Uma delas é despertar a reflexão e a decisão dos responsáveis sobre onde a empresa deseja chegar, quando chegar e como posicioná-la no mercado para facilitar e harmonizar a alocação de recursos.

Para usufruir dessas vantagens, uma vez tendo a decisão, o processo é simples e pode ser realizado por todos os dirigentes. Duas recomendações básicas: se possível, que o nascimento desse quadro de objetivos se origine de um grupo reunido para esse fim, com a participação de pessoas que ocupam posição estratégica na empresa. A outra é que os objetivos definidos sejam formalizados, escritos.

Dessa forma, todos se sentirão responsáveis e poderão aferir os resultados com o passar do tempo. Para os grupos que se formarem, a orientação para estabelecer objetivos de qualidade de forma prática é a utilização da fórmula P-A-R-E-M:

•     Possíveis

•     Adequados e importantes

•     Realizáveis no prazo

•     Específicos

•     Mensuráveis

 

Visto que os objetivos devem ser mensuráveis (também podem ser chamados de metas), uma sugestão do ponto de partida é a definição do que se quer medir. Exemplos genéricos do que medir, ou seja, dos indicadores da saúde da empresa:

•   Faturamento bruto (R$/mês);

•   Receita líquida (R$/mês);

•   Receita bruta por colaborador (R$/nº de colaboradores);

•   Satisfação de clientes (% satisfeitos/ total);

•   Lucro sobre o capital (%);

•   Novos clientes (% novos / total), entre outros;

Uma vez escolhidos os indicadores mais representativos do negócio, o passo seguinte é a fixação dos objetivos propriamente ditos, ou seja, quais valores devem ser atingidos por eles e em qual prazo.

Isso feito, ou seja, tendo estabelecido onde e quando chegar, a seqüência é o acompanhamento periódico para saber se os objetivos foram muito ambiciosos, por isso não foram alcançados, ou se foram atingidos e até mesmo superados. Dessa forma, pode-se conhecer a realidade da empresa ou do negócio, e tomar sempre as decisões mais adequadas para aproximar o que temos do que queremos.

Rua Joel Jorge de Melo, 608
Fone (11) 5584-8489 | CEP 04128-081 | São Paulo - SP | Desenvolvido por: Tbr Web