Página Inicial     
Fale Conosco     
Quem Somos     

Finanças | Pense financeiramente sua empresa

Como está sua saúde? Rapidamente você poderá apresentar um relato identificando se ela vai bem ou mal. No caso de mal, preocupado, indicará até os tratamentos que estão sendo feitos. Certamente, você está demonstrando um bom sinal ao estar cuidando dela.

Agora responda: como está a saúde financeira de sua empresa, ou, se preferir, dos seus negócios?

Em alguns casos, a resposta não surge tão rapidamente como na primeira questão. Você precisa de um tempo para pensar. Por que essa demora ocorre?

Será que você não é capaz de respondê-la? E se a saúde financeira de seu empreendimento estiver precisando de um tratamento emergencial, onde cada minuto vale muito? E se a operação deste tratamento for constatada tarde demais? Haverá algo ainda a ser feito?

Preocupe-se com o teor de sua resposta, bem como com o tempo que leva para movimentá-la.

Trabalhar bem com os números é questão fundamental, de sobrevivência pura, para qualquer negócio na atual conjuntura empresarial.

Antes de tomar qualquer decisão em sua empresa, consulte os números. O resultado obtido através de uma boa interpretação deles poderá apontar, exatamente, o que fazer. Como por exemplo: a conclusão de seguir adiante com a ideia, postergá-la a um outro momento, ou, dependendo do caso, abandoná-la em função de sua inviabilidade.

Quem não é capaz de operar dessa maneira pode estar enganando a si mesmo, pois observa apenas as receitas e desvia a atenção sobre os desembolsos.

Ater-se apenas aos sinais positivos não leva a lugar algum. Você precisa compreender todos os lados das movimentações financeiras ocorridas na sua empresa, principalmente daquelas mais discretas, e que aparentemente (apenas aparentemente), parecem pouco representar.

Portanto, o faturamento de cada mês precisa ser controlado e dimensionado para suprir exatamente as necessidades e características do negócio.

O fluxo de caixa funciona como um termômetro. Ele tem condições de indicar se a empresa pode assumir ou não compromissos, podendo ir mais além, mostrando quando terá condições de honrá-los. Dê atenção diária a esta importante ferramenta gerencial.

E sua empresa, tem um fluxo de caixa? Você conhece a sua utilidade e sabe usá-lo corretamente para auxiliar nas suas decisões?

Tenha bem definido que administrar um empreendimento não é só vender e receber. Administrar não é também só gerenciar pessoas e recursos de produção. Não é só fazer mais com menos. Nem é só planejar, organizar, dirigir e controlar. Neste conceito encontra-se espaço para o tratamento dos recursos financeiros da empresa. 

Você já parou para analisar as variações do faturamento de sua empresa no decorrer dos meses? Você tem condições de explicar, ao menos, os motivos destas ocorrências e o que você vem fazendo para trabalhar melhor estas oscilações?

Dedique uma atenção maior às informações financeiras. Discuta e faça projeções através da construção de cenários, arquitetando o futuro financeiro de sua empresa. Veja se não há "furos" no seu fluxo de caixa.

Procure identificar e compreender, mais e melhor, os termos e aplicações dos custos fixos, variáveis e semivariáveis, ponto de equilíbrio, lucro desejado, margem de contribuição e do lucro potencial, entre tantos outros igualmente importantes.

Faça a projeção de resultados e atenha-se aos desvios, que porventura possam ocorrer. Trabalhe para chegar à condição de poder avaliar, com o maior grau de certeza, a rentabilidade dos seus negócios. Não se esqueça de criar relatórios e indicadores financeiros.

Substitua as análises reativas, que tradicionalmente são feitas depois que os acontecimentos consumam-se, por análises ativas, que são providenciadas antes dos acontecimentos. Faça o teste e note a diferença nos resultados.

A partir de agora, incorpore a saúde financeira de sua empresa em todas as operações de planejamento que pretenda executar. Se precisar de auxílio neste trabalho, fale com o seu contador. Certamente poderá recomendar vários caminhos a serem seguidos.

Rua Joel Jorge de Melo, 608
Fone (11) 5584-8489 | CEP 04128-081 | São Paulo - SP | Desenvolvido por: Tbr Web