Página Inicial     
Fale Conosco     
Quem Somos     

Comunicação | Um grande capital

Saiba como utilizá-la no dia-a-dia como vantagem competitiva. O principal objetivo de toda e qualquer empresa é fazer bons negócios, conquistar novos clientes e manter os atuais. Diante disso, em plena 'era da informação', muitas empresas ainda não sabem utilizar estes novos recursos para ajudar a construir uma imagem positiva, que cative o público.

A boa imagem da empresa é fundamental para o crescimento dos negócios e, principalmente, para a sua sobrevivência. A comunicação é uma ferramenta poderosa que o empresário deve acostumar-se a utilizar para conquistar seus objetivos.

Num ambiente extremamente competitivo, no qual muitas empresas disputam os mesmos clientes, comunicar-se bem pode ser o diferencial que levará o empreendimento ao sucesso, pois uma importante função é construir vínculos.

Claro que a construção de uma imagem sólida e positiva não é fácil e precisa de empenho e paciência. A construção dessa imagem depende da integração completa do empresário e dos seus colaboradores, através de ações diárias e planejamento.

Para se comunicar bem, o empresário deve investir em si e também na sua equipe: falar bem é um item essencial; isso engloba os relacionamentos internos, com clientes, fornecedores e também parceiros.

Para se ter coesão, a equipe precisa adquirir a 'cultura da empresa'. Treinamentos e cursos voltados para melhorar a comunicação, dentro do próprio ramo de atuação da empresa, são importantes. Assim, cada colaborador da empresa terá mais facilidade para expor os produtos ou serviços, despertar o interesse do cliente e estimular o desejo de compra.

A boa argumentação é indispensável para a negociação. Para tanto, é preciso conhecer bem o cliente ou o perfil da clientela, descobrir suas necessidades para, somente depois, iniciar um processo de vendas.

Uma boa dica de venda é não oferecer um produto, mas sim a solução, mostrando ao cliente a essência da mercadoria, os benefícios que ela levará, mesmo que subjetivos. Por exemplo: ao oferecer uma caneta, logicamente, o vendedor vai falar sobre a sua escrita macia, fácil manuseio e design arrojado; entretanto, pode garantir a venda se disser que o produto é capaz de dar prestígio a quem a usar em reuniões importantes.

Outras ações de comunicação também são essenciais para alavancar o negócio: investimento no visual externo e interno da empresa, criação de folderes e malas-diretas, construção de um site, boletim informativo, veiculação de propaganda em veículos de comunicação, como jornais e revistas, realização de promoções e doações de brindes em datas especiais, participação em trabalhos sociais e comunitários etc. O êxito desses métodos permitirá a conquista da melhor de todas as propagandas: o 'boca-a-boca'.

Lembre-se que, as ações de comunicação empreendidas, nem sempre têm resposta imediata. É preciso, além da estratégia, ter muita paciência, pois a conquista de seu público-alvo pode levar algum tempo.

No Brasil, ainda estamos começando. Cada vez mais, o lucro e o sucesso das empresas nacionais dependerão, não só de suas competências essenciais, de tecnologias avançadas e de suas formas de gestão, mas, também, de como elas se comportam socialmente.

As empresas se diferenciarão umas das outras pela postura ética junto ao mercado, com os diversos públicos e com a comunidade de um modo geral. Crescerão mais as empresas que souberem atender às expectativas e necessidades mais amplas da sociedade.

Rua Joel Jorge de Melo, 608
Fone (11) 5584-8489 | CEP 04128-081 | São Paulo - SP | Desenvolvido por: Tbr Web